O Museu da Cidade foi projetado por Oscar Niemeyer com o intuito de preservar os trabalhos relativos à história da construção de Brasília. É o mais antigo da capital, foi inaugurado no dia 21 de abril de 1960 – mesmo dia da inauguração da cidade e representa um marco histórico, pois a inauguração representou a transferência oficial da Capital do RJ para Brasília. Possui uma exposição permanente com inscrições históricas também transcritas em braile. Integra o Conjunto Cultural Três Poderes.

Em seu interior, nas paredes em mármore branco, estão gravados textos, também em braile, que contam a história da transferência da Capital para o Planalto Central. Na parte externa se encontra a “Cabeça de JK”, esculpida, em pedra-sabão, pelo artista José Pedrosa.