Sessão solene na CLDF dia 20 abre circuito que visitará oito cidades durante oito finais de semana

São João está de volta! Promovido pelo Grêmio Recreativo Arraiá Formiga da Roça e pela Liga Independente de Quadrilhas Juninas do Distrito Federal e Entorno (LINQ/DFE), o maior festival de Quadrilhas Juninas do Distrito Federal será lançado nesta sexta-feira (20 de maio, às 19 horas), durante sessão solene de Abertura do Circuito de Quadrilhas Juninas e Comemoração ao Dia do Quadrilheiro, realizada na Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF). A 22ª edição do Circuito de Quadrilhas retorna ao público presencial levando a força da festa de um dos segmentos culturais mais populares do país. O projeto conta com fomento do Fundo de Apoio à Cultura, da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Distrito Feder al.

Os grupos juninos que participam do campeonato são representantes de diversas Regiões Administrativas do DF e Entorno, e estão classificados em dois grupos, Grupo Especial e Grupo de Acesso, cada um com 14 equipes, e realizam diversas apresentações em todo o Distrito Federal. Os trêsprimeiros classificados no Grupo de Acesso garantem vagas para a divisão superior no ano seguinte. Já o grande vencedor do Grupo Especial representará Brasília na competição nacional de quadrilhas.

O Circuito de Quadrilhas Juninas é dividido em etapas para alcançar a maior quantidade de cidades possíveis e ampliar a participação da comunidade. As 14 quadrilhas de cada divisão se apresentam em cada etapa e somam pontos para definir a classificação. Um corpo de jurados técnicos avalia seis quesitos: coreografia, marcação, figurino, animação, casal de noivos e repertório musical.

Cada etapa também contará com apresentações de vários grupos de forró do DF. Ao todo, 42 shows trazem um repertório dedicado aos clássicos do xote, baião e diversos estilos de forró. Luizão do Forró, Trio Siridó, Carlos Silva e Trio Balançado são alguns nomes confirmados. Esse ano o Circuito passará, entre outras cidades, por Santa Maria, Paranoá, Cruzeiro e Taguatinga, gerando mais de 150 empregos diretos e indiretos, envolvendo 28 quadrilhas.

 

Tradição e influência nordestina

"As festas juninas são manifestações culturais regionais que marcam a identidade do brasileiro", ressalta o presidente da liga, Márcio Nunes. "O Distrito Federal tem a cultura nordestina muito presente, e as festas juninas são um retrato fiel dessa força."

O projeto é organizado pelo Grêmio Recreativo Arraiá Formiga da Roça e pela Liga Independente de Quadrilhas Juninas do Distrito Federal e Entorno LINQ/DFE, e permite que comunidades de todo o DF tenham acesso de forma gratuita a eventos de cultura popular e de grande qualidade.

"Para nós, quadrilheiros, é uma alegria retomar as festividades de forma presencial. Foi um período que marcou o ciclo junino de forma muito forte. Muitos sonhos foram paralisados, são meses preparando o projeto para que tudo esteja da forma como planejado", relatou Patrese Ricardo, presidente do Grêmio Recreativo Arraiá Formiga da Roça.

"Todo quadrilheiro é extremamente apaixonado pelo que faz, independentemente do papel que ele desempenhe dentro de um espetáculo junino. Sem muita explicação, só quadrilheiro sabe a emoção de ver um trabalho pronto e dentro de quadra", concluiu um dos organizadores do Circuito de Quadrilhas Juninas.

Alê Souza, Rainha Junina do DF revela que o processo criativo abrange as tradições juninas. "Tentamos englobar todos os estilos populares dentro dessa arte e ao mesmo tempo sem perder o roteiro tradicional que é o cumprimento ao casal, o túnel, a roda. Ele se torna desafiador porque temos que esmiuçar a grandeza de cada estilo para caber dentro de 25 minutos de dança, de enredo, das falas do marcador. É muito bom estar no meio disso tudo, é realmente uma emoção enorme defender essa cultura e fazer com que ela permaneça viva, é uma resistência", arremata.

Com classificação indicativa livre, o 22° Circuito de Quadrilhas poderá ser acompanhada pelos canais do Youtube TVFormiga e LINQDFE.

Quadrilhas Grupo de Acesso: SACA ROLHA, CHINELO DE COURO, FLOR DO MAMULENGO, TRISCOU QUEIMOU, PINGA EM MIM, ESPALHA BRASA, EITA BAGACEIRA, ELITE DO CERRADO, COISAS DA ROÇA, CAIPIRAS DE FÉ, AQUARELA NORDESTINA, OS CABOCLOS DO SERTÃO, MALA VEIA e MATINGUEIROS DO SERTÃO.

Quadrilhas do Grupo Especial:XAMEGAR, PULA FOGUEIRA, XIQUE XIQUE, RIBULIÇO, PAIXÃO CANGAÇO, ARROXA O NÓ, SABUGO DE MILHO, AMOR JUNINO, XEM NHEM NHEM, ARRAIÁ DOS MATUTOS, SANFONA LASCADA, RASGA O FOLE, SI BOBIA A GENTE PIMBA e FORMIGA DA ROÇA.

 

Serviço;

Evento: Sessão Solene de Abertura do Circuito de Quadrilhas

Data: 20/05 – 19H

Local: Câmara Legislativa do Distrito Federal

 

Evento: Circuito de Quadrilhas Juninas;

Horários: Sábados a partir das 19h e Domingos a partir das 18h

1ª ETAPA – "DONA LOURDES"

28 e 29 de maio –Grupo de Acesso –Santa Maria– Estacionamento do Ginásio de Esporte de Santa Maria;

04 e 05 de junho –Grupo Especial – Paranoá– Estacionamento ao lado da Administração Regional do Paranoá;

2ª ETAPA – "SALA DE REBOCO"

11 e 12 de junho – Grupo de Acesso –Sudoeste/Octogonal– Estacionamento ao lado do Terraço Shopping;

18 e 19 junho –Grupo Especial – Ceilândia – Praça do Trabalhador ao lado da Administração Regional da Ceilândia;

3ª ETAPA – "ARRASTA PÉ"

02 e 03 de julho –Grupo de Acesso –São Sebastião– Estacionamento Externo do Parque de Exposição

09 e 10 de julho – Grupo Especial – Samambaia – Quadra 302 Conjunto 8 – Estacionamento da Castelo Forte;

4ª ETAPA – "ZÉ PEREIRA"

16 e 17 de julho –Grupo de Acesso – Cruzeiro– Estacionamento da Feira Permanente do Cruzeiro

23 e 24 de julho –Grupo Especial – Taguatinga – Taguaparque – Arimateia

Fonte: Gibi Comunica